terça-feira, 22 de maio de 2012

Saiba tudo sobre o seminário Rio +20 e você!

Entre 20 e 22 de Junho de 2012 ocorrerá, na cidade do Rio de Janeiro, a Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável (CNUDS, ou UNCSD na sigla em inglês).
Essa iniciativa da ONU está também motivando a organização de uma série de eventos e processos de discussão em cada estado do Brasil e em todo o mundo, que culminarão em um grande conjunto de atividades no período próximo à conferência. O foco será a cidade do Rio de Janeiro, entre os dias 11 e 24 de Junho, mas ocorrerão inúmeras atividades relacionadas também em outros lugares, e em outras datas.
É importante destacar que “Rio+20” é o apelido dado tanto à conferência da ONU em si, quanto ao conjunto de eventos e atividades a ela relacionados, conectados ou não ao seu processo oficial, especificamente à conferência ou a esse conjunto amplo de eventos e atividades.
A Rio+20 será um evento de grandes dimensões, e o governo brasileiro tem declarado a ambição de que seja a maior conferência já realizada pela ONU. Espera-se a presença de mais de uma centena de chefes de Estado ou de governo.

Uma semana antes da conferência acontece, entre os dias 13 e 15 de Junho, também no Rio de Janeiro, a 3ª reunião de seu Comitê Preparatório (PrepCom), que já reunirá uma grande quantidade de diplomatas, representantes de governos e da sociedade civil do mundo todo.
Especificamente nos dias entre a reunião do PrepCom e a conferência Rio+20, de 16 a 19 de Junho, deve haver um espaço de diálogo envolvendo a sociedade civil e representantes dos governos, promovido pelo governo brasileiro em contato com a ONU. A expectativa, conforme anunciada pelo governo brasileiro e pelo secretariado da ONU para a Rio+20, é que este seja um espaço importante e aberto de diálogo, com formato inovador. Detalhes da organização e da forma de participação nas atividades em questão ainda estão sendo definidos. Uma proposta preliminar de temas a serem discutidos foi divulgada pelo governo brasileiro em dezembro de 2011, e inclui: segurança alimentar e erradicação da pobreza; segurança energética; economia do desenvolvimento sustentável/produção e consumo sustentáveis; inovação tecnológica para sustentabilidade;cidades; água; oceanos e trabalho decente/migrações. Biodiversidade; clima e desertificação poderiam surgir como temas transversais.
Ocorrerão também no período da Rio+20 inúmeros eventos paralelos organizados pela sociedade civil e por outras organizações públicas e privadas, dentro e fora do espaço da conferência oficial. Dentre essas, destacamos especialmente a Cúpula do Povos, um evento de grandes proporções organizado por redes de ONGs e movimentos sociais do Brasil e do exterior que envolverá inúmeras atividades.
A conferência Rio+20 é pautada pela resolução ONU GA 64/236 (disponível em http://bit.ly/rio20garesolution), de 24/12/2009, que definiu como seus objetivos: i) assegurar um comprometimento político renovado para o desenvolvimento sustentável; ii) avaliar o progresso feito até o momento e as lacunas que ainda existem na implementação dos resultados dos principais encontros sobre desenvolvimento sustentável e iii) abordar os desafios novos e emergentes.
Frente aos objetivos colocados pela pauta oficial da ONU, muitos atores da sociedade civil estão se mobilizando para influenciar as conclusões da conferência oficial e a opinião pública, para que sejam considerados também seus próprios objetivos, causas e pontos de vista. Evidentemente, as discussões no âmbito da ONU e dos governos se relacionam com questões fundamentais para a sociedade, como a justiça social, os direitos humanos, a criação e distribuição de riqueza e renda, o uso e governança dos bens comuns, o acesso à informação e à tecnologia e seu uso, a participação democrática e cidadã, entre outras.
Pode-se dizer, então, que a Rio+20 – em seu conjunto – vem promover um amplo debate sobre o estado do mundo e os rumos atuais de nossa civilização, procurando articular os objetivos dos diferentes atores sociais e acordar diretrizes tão consensuais quanto possível para dar efetividade ao objetivo comum de avançarmos – efetivamente e com urgência – na construção de uma sociedade socialmente justa, economicamente próspera e ambientalmente sustentável. Mas há que se considerar que, sob essa referência bastante genérica, há muitas abordagens e instrumentos decorrentes, com expectativas distintas no que se refere aos desafios de transformação dos padrões de produção e consumo, ao papel da economia e do mundo privado, às funções dos Estados e das políticas públicas, e às contribuições que se originam da sociedade civil.
É urgente e emergencial que os cidadãos do mundo todo e de cada estado do Brasil se envolvam no debate dos temas da Rio + 20, o que tem acontecido devagar; mais devagar do que o ideal, este debate está se espalhando por todos os cantos do planeta.
É passada a hora do Distrito Federal e do Brasil ampliarem este debate e é nesse sentido que o seminário “Rio + 20 e VOCÊ! É URGENTE Brasil! estará se realizando agora em Brasília organizado por entidades da sociedade civil, tais como Arquidiocese de Brasília, UnB, OAB, sindicatos, escolas públicas e particulares e outros.
Este seminário Rio + 20 e VOCÊ! É URGENTE Brasil! está formatado para mo bilizar e trazer para o debate aproximadamente 3.000 participantes (membros e/ou delegados) de todos os setores da sociedade civil envolvidos.
Como se percebe este seminário é uma emergencial necessidade da sociedade e deste modo em harmonia com interesse público e ressaltando a função social e ambiental deste evento lhe convidamos para participar do evento e em especial para participar da abertura no Centro de Convenções Ulisses Guimarães,no dia 23 de maio de 2012 em Brasília, DF.
Certos de que estamos realizando evento obrigatório para impulsionar e aprofundar a ação cidadã da população de Distrito Federal e do Brasil, neste momento grave e sensível da humanidade para garantir a continuidade da civilização, agradecemos antecipadamente a sua participação. Veja a programação resumida em http://www.rio20evoce.org/index.php

Imagem: Arquivo Google

0 comentários:

Postar um comentário

Faça seu comentário sobre esta publicação.

You Tube

Loading...